Toute peine mérite salaire - Kevin Cary Photography

Toute peine mérite salaire

Monday, January 27, 2014

Como vocês viram, voltei de férias Terça-feira passada. Visitei vários lugares do Brasil, cada um mais bonito que o outro. Tirei muitas, MUITAS fotos, mas a maioria foi para registrar a nossa viagem, sem realmente pensar na “qualidade” das fotos.

Porém, teve umas vezes onde eu parei e pensei: “Ah, não posso perder isso!”

Primeiro dia, direção: Paraty. Seguimos o caminho indicado pelo Google Maps com o celular, e chegamos na maravilhosa serra entre Cunha e Paraty. Estrada em obras, placas mostrando “Atenção: Trecho intransitável a partir deste ponto”, e a gente, 4 pessoas num Fox cheio de malas. Ótimo! O carro quase não sofreu, a minha esposa quase não ficou nervosa, e quase não pareceu com um pedaço do Paris – Dakkar. Enfim, criando memórias, né?

Finalmente chegamos em Paraty e logo achei a cidade muito bonita, já pensando nas possibilidades de fotos legais para tirar. Chegando no “hotel”, olhei na esquerda e vi uma cena que achei linda, cheia de cores, etc. Eu precisava ter essa imagem. Estacionei, deixei as malas no carro, peguei minha câmera e fui. Perguntei para o senhor se eu podia tirar fotos dele, apenas respondeu com um sinal de cabeça. Não precisei pensar muito, eu tinha 2 ideias de composição: vertical só com ele na foto ou horizontal com ele e uma menina do lado. Tirei uma verticalmente e achei mais interessante deixar horizontal pois ia incluir outras cores e a menina do lado direito. Tirei mais 3 fotos, agradeci, fui embora. Quando eu olhei as fotos, a única coisa que eu queria era voltar para casa para poder editar essas fotos. A gente nem tinha chegado ainda, que eu já tinha uma das fotos mais bonitas da viagem. Acabei gostando mais da primeira horizontal, e é essa que estou apresentando para vocês. :)

Parece um prêmio que eu ganhei por ter passado por aquela estrada horrível, e também me lembrou dum ditado francês: “Toute peine mérite salaire.” (“Every effort deserves pay.” / “Todo esforço merece recompensa.”)

Ah, um recado para mim mesmo (que pode servir para vocês também): a estrada Cunha – Paraty, nunca mais!

Man and little girl in Paraty

Powered by SmugMug Log In